Birthday

Nunca dissemos que seria “mil maravilhas” a partir daquele teu “Sim” ou “Aceito”, não lembro direito. A gente é tão diferente em algumas coisas, ao mesmo tempo que somos absolutamente iguais em outras. Acho até que somos parentes, mas só acho, rs.
E já faz um tempo que aprendi a respeitar teu jeito e você o meu. Encontramos a harmonia pra nossa vida nos dias divididos. Você gosta de música pesada, eu de músicas dançantes. Você adora desenhar e eu gosto de escrever. Tá vendo, é aquela história que sempre conversamos, a gente dá certo porque a gente se completa. Eu até já me submeti a ir num show doido com você, e você, lindamente, aceitou ir numa balada comigo e “dançamos”, (ps: eu danço bem, ok!) até nossos pés cansarem. Lembro desse dia, você não aparentava a pessoa mais feliz mundo, mas me dava segurança ao transmitir a felicidade só de estar comigo ali naquele lugar, fazendo a minha vontade. E eu sinto o mesmo quando faço as coisas pra você, por você.
Eu sinto falta se passo muitas horas sem falar com você. Não gosto. Você sempre tem algum assunto pra comentar, uma sugestão pra onde irmos, até a forma como me diz pra gente não fazer nada me encanta. Tão inteligente, fico orgulhosa quando fala dos seus trabalhos de faculdade (que acabou agora, eee!) e dos seus planos profissionais, e eu vou estar do teu lado pra comemorar todos esses momentos, da mesma maneira que sei que estará comigo nos meus momentos. Cumplicidade. Comemoramos tudo, de ônibus vazio ao aumento de salário. E sabe, é com muita dor que falo isso, mas mesmo que um dia você decida partir pra outro caminho, vai ser difícil alguém conseguir ocupar o teu lugar. Mas quer saber? Se decidir ir pra outro caminho, eu vou com você, simples!
Já temos uma história sólida, mas não é nem metade do que temos pra viver pela frente. Eu quero muito mais revéillons estilo o último que tivemos, com muitos amigos queridos, sinceridade e eu e você. Lembrando desse último, de certa forma seria até mais perfeito se tivesse só eu e você naquele cenário tão especial, né? Ah, mas isso a gente pode organizar qualquer outro dia ou em alguns dos outros milhares de revéillons que teremos.
Sabe, eu acredito em nós, no que sentimos, na tua sinceridade, no meu coração, na nossa história. Temos muito o que comemorar todos os dias! Prometo que um dia trago tua banda preferia pra uma festa surpresa de aniversário, ok? Ou quem sabe a gente não organiza uma viagem pra ver um show deles? Mas você vai ter que aceitar ir comigo praquela Semana Internacional de Milão ver você sabe que.
Todo dia eu comemoro nós dois.

Baseado numa história real.  

“Birthday” – Kings of Leon
Inspiração de título e conceito do texto. 

@umtravesseiro

Anúncios

Uma resposta em “Birthday

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s