Nossa Senhora do 5º Dia Útil

Tem horas que eu me pego tentando analisar você por inteira. É uma loucura, acabo não chegando a lugar nenhum, mas até que acho interessante porque acabo lembrando de como você faz algumas coisas simples parecerem as mais especiais.
Está pra nascer alguém que exiba tanto charme na forma de caminhar ao modo que passa a mão nos cabelos. Meus amigos dizem que estou louco, mas o que acontece é que eles, felizmente, não te veem da forma que eu vejo. Ainda bem, né! RUN!
Quando a gente caminha pelas calçadas e se depara com algum morador de rua, imediatamente o teu senso de injustiça grita. Você quer ajudar de alguma forma, que sentar pra conversar, que ser útil praquela pessoa, e eu, muitas vezes erroneamente é bem verdade, te puxo pra irmos embora. Te admiro.
Tão delicada, mantém as unhas perfeitamente cuidadas e sempre inova nas cores de esmalte com aqueles nomes engraçados cujos quais eu nunca vou entender porque se chamam daquele jeito. Aliás, eu queria trabalhar na criação desses nomes, mas tudo bem.

Senta na beira da cama, cruza as pernas tipo índio, pega uma almofada, esquece a caneta, eu pego a caneta, pega papel, guarda um pouco do cabelo atrás da orelha, digita o número e pede a pizza. Eventualmente brigamos na escolha do saber porque eu gosto muito de mussarela e você de ricota, mas isso não é problema. Esquece também de perguntar quanto tempo vai demorar pra chegar, mas eu nunca te lembro disso também, então tudo bem.

Me deixa claro no primeiro “Oi, tudo bem?” do dia, que você não está pra brincadeira, digo…, que está “naqueles dias”. Ligeiro, percebo o sinal e acabo freiando minhas palavras. Em momentos como esses o meu “eu te amo” pra você dá mais raiva que uma unha quebrada ou uma daquelas cólicas contorcionistas (?). Taí outra coisa que eu nunca vou entender, mas também não é problema.

Na loja, escolhe TRINTA peças de roupa pra comprar DUAS. Enlouquece a moça que troca as fichinhas nos provadores, me faz de louco esperando a minha opinião que, eu sei, é muito preponderante pra tua compra ou não. Ok, tem vezes que você acaba comprando vai, umas 10 peças. Em dias como esses, sei que o jantar e tudo que vier de custo depois vai ser pela minha conta. Vale um agradecimento especial a dupla infalível Nossa Senhora do Vale Refeição e Nossa Senhora do 5º Dia Útil. É NÓIS!

Comenta que nessa semana vai estreiar 2 filmes que quer muito ver. Um deles tem aquele ator “lindo e maravilhoso” que tanto diz. Não sinto ciúmes, mas gostaria de ouvir que sou “legal” também. Planeja o cinema mas esquece que temos compromissos já marcado, te lembro e você briga comigo alegando que eu “estrago tudo”, pra horas depois vir me pedir opinião sobre qual sapato usar dizendo: “me saalva!”. Eu nunca te entendo mas te entendo. Tudo bem.

Você é toda assim. Cheia das mil ondas, jeitos e mimos, mas que droga, aprendi a gostar de você mesmo sendo insuportavelmente assim. Não consigo imaginar outra pessoa mais chata e perfeita como você, mas assim, perfeita naquelas né, é que até as suas imperfeições me causam certa alegria. Por exemplo, o teu excesso de simpatia que me causa um ciuminho de leve. Não sei se “alegria” é a palavra certa a usar, mas tudo bem.

É tipo isso, uma soma de “tudo bem”.
Já que eu não disponho de uma beleza “linda e maravilhosa”, compenso na fé em algum dos meus santos favoritos que se fazem presentes na hora de te salvar das suas loucuras financiadas por mim.
Amém.

Anúncios

3 respostas em “Nossa Senhora do 5º Dia Útil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s