Vai Que Você Pergunta Quem Fez

Porque pra mim tá tudo bem se eu só ficar perto de você.
Você nem sabe quem eu sou direito, mas pra mim tá tudo bem.
Eu nem me importo se você não me notar, muito menos se nem souber o meu nome, pra mim tanto faz, desde que eu fique perto de você.

Mas confesso que já sonhei como seria divertido se você acertasse o meu nome.

Eu nem ligo quando meus amigos fazem piada comigo na sua frente, nem ligo com a vergonha que eu passo, pelo menos nesses momentos eu me torno um motivo para ver um sorriso teu. Já é um começo.

É melhor te ter sem você saber do que nunca te ter.

É bem isso mesmo, gosto de você e você nem sabe. Pra mim nem importa se você continua curtindo e comentando fotos de outras pessoas na internet, distribuindo elogios e cantadas claras que representam suas maiores vontades. Eu assisto tudo de longe e finjo que nem sei do que está falando só pra eu ficar normal. Também não me importo quando você troca a foto do perfil e vem um monte de gente de elogiando, falando como tem mudado, como tem ficado cada vez melhor e essas coisas que só quem tem sangue de barata não sente ciúmes, o que não é meu caso.

Pensando bem, até tenho alguns motivos para te exigir mais atenção.
Fui eu quem subiu o filme naquele site de download e comentei falando “achei”, no teu post que você perguntou quem tinha algum link. Fui eu que, depois de passar algumas horas a mais sem dormir em uma noite qualquer, conseguir achar o link em sites internacionais do disco novo da sua banda favorita. Fui eu que falei propositalmente para aquele nosso amigo em comum a data exata da estreia da nova versão do teu filme favorito, eu sabia que ele te faria. Fiquei muito feliz quando te vi comentando o quanto gostou, mesmo sem ter ido com a minha companhia.

Quando a gente gosta o nosso coração funciona demais e o nosso cérebro de menos.

Já fui de me importar mais.
Outras vezes já me puni por agir assim tão cegamente, confiei em frases de efeito que diziam para eu me valorizar e olha pra frente, mas o louco é que nada que eu li e nada que ouvi foi capaz de me fazer melhor como me faz gostar de você.
Só acreditei naquela história de que desejar o bem para as pessoas faz bem pra gente.

Por isso me dói menos do que deveria te ver falando o quanto se divertiu na balada, pois pra mim, saber que de alguma maneira você está feliz, já é me fazer feliz também.

Que loucura, né?
Imagina pra mim que sinto tudo isso.

Aprendi a ter mais paciência.
Se você continuar não acertando meu nome, continuar me deixando passar despercebido mesmo diante dos meus esforços em chamar sua atenção, se você continuar sem fazer ideia do quando eu me esforço pra te fazer feliz sem você fazer a ideia, mesmo assim eu vou continuar gostando de você.

Eu não me dedico esperando retribuição, me dedico porque eu sinto.

Não me preocupo sobre como vai ser os próximos dias, o futuro e tudo que eu não conheço, no momento eu só me preocupo em saber se você vai gostar dos doces que estou preparando pra hoje, em mais uma daquelas noites de filmes com os amigos.

Vai que eu consigo te fazer memorizar meu nome se você perguntar quem fez.

CURTA: http://www.facebook.com/umtravesseiroparadois <3

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s