Me Ajuda Pra Eu Poder Te Ajudar

Eu nunca te cobrei nada.
Nunca quis que fizesse nada além do que sempre fez, porque isso foi o que sempre me satisfez. Sempre me vi feliz por ter você pra me deixar bem.
Funciona assim: prático.

A gente começa uma história com alguém pra poder dar um novo sentido à nossa sem ninguém.

Na jornada da vida, a gente sempre está em busca de alguém pra compartilhar todas as coisas. E é tão bom quando a gente encontra. É bom se sentir seguro.
Faz bem saber que a gente pode conversar com alguém a hora que a gente quiser e sobre o que a gente quiser. São coisas como essas que constroem alguns dos melhores momentos da nossa vida. Pouco a pouco a gente vai se encaixando e vai começando a ver um novo sentido nas velhas coisas. Isso tudo acontece quando a gente se sente útil, quando a gente se sente parte de alguém também, quando a gente se preenche ao ver que o nosso o jeito completa o de alguém.

Mas quanto mais a gente espera o planejado menos eles sai como o esperado.

E isso não é de todo mal.
Os ajustes fazem parte de qualquer história, e mais que isso, os ajustes servem de estímulo pra gente sempre continuar buscando melhorar nas coisas não tão boas assim.

Acontece que você tem arranhado tudo que eu construí de mais valioso em você: a confiança.
Você me conhece, sabe de tudo que já passei nessa vida e, dentro disso, sabe bem como não foi fácil pra mim me permitir viver de novo. Ou pelo menos eu sempre pensei que soubesse disso.

Tudo muda quando a nossa forma de ver muda.

Nos exercícios mais difíceis é onde a gente encontra as melhores lições. Ou seja, não quero insistir, mas essa conversa seria mais fácil se você conseguisse se colocar no meu lugar. Não é questão de me fazer de vítima, mas de cumplicidade, de ver que se eu não estou bem por algo que você me fez, antes de julgar se é certo ou errado, se tem ou não sentido, você pode me respeitar e se colocar no meu lugar ao mesmo tempo que a gente tenta entender tudo que aconteceu.

Eu nunca quis investigar sua vida por valorizar a sua liberdade.

Assim como eu gosto e preciso ser livre, eu sempre te deixei ser da mesma maneira. Até que você me desse motivos pra pensar diferente.
A gente não precisa esconder provas se não somos culpados.
E muitas vezes a postura pelo medo de ser descoberto é pior do que a descoberta em si. O que mais me deixou com raiva foi o seu jeito de fingir que nada aconteceu. Você sabe bem do que estou falando. Não posso tocar no assunto que você se exalta e tenta trocar a conversa, mal sabendo que, quanto mais você tenta fugir do que me intriga, maior essa intriga fica.

A gente não tem que brigar, a gente tem que se acertar.

Só que não depende só de mim.
Você não precisa ter medo de me falar os seus erros.
Pior mesmo é ter que descobrir coisas que você, aparentemente, não gostaria que fossem descobertas.
Eu não quero saber das suas senhas, nem do seu celular, mas por quê não quis me mostrar quando perguntei numa boa de quem era a mensagem? Mas não, preferiu desviar e travar a língua em mil vezes tentando me enganar.
Você não contava que eu descobriria, né?
Não pense que eu gosto de ir atrás, mas eu não conseguiria dormir e nem olhar pra sua cara sem saber exatamente do que se tratava.

Eu nunca te exigi perfeição, só a sinceridade.
Aceitei todos os seus defeitos, bem como você aceitou os meus, e pensei que dentro desse acordo a gente encontraria os nossos acertos e as nossas soluções. Eu nunca quis desconfiar de você. E você sabe disso.

Você não tem a obrigação de estar comigo pra sempre na sua vida. Você pode me querer hoje e amanhã nunca mais.
Se for pra escrever uma história com alguém de meias palavras eu prefiro escrever a minha com palavras inteiras sem ninguém.

Também não quero falar sobre isso o resto da minha vida.
Eu quero que você pense sobre o que aconteceu.
Perfeito seria se conseguisse pensar como seria pra você se fosse eu no seu lugar, mas como eu não posso esperar por isso, eu vou te dar a oportunidade de saber que toda a confiança que eu tinha por você está em cacos.

A sua sorte, por enquanto, é que da minha parte ainda existe amor. Ainda

Inspirado em uma história real.

CURTA: http://www.facebook.com/umtravesseiroparadois <3

Anúncios

4 respostas em “Me Ajuda Pra Eu Poder Te Ajudar

  1. Impossivel como nao me identificar com esse texto… a exatamente 3 semanas aconteceu isso exatamente comigo… Estou o dia todo lendo seus textos, cada vez mais me identifico com o que escreve e a maneira como escreve… Parabens!! Conseguiu mais uma fã!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s