Eu duvido que você não vai gostar

Leia ouvindo:

É claro que você chama a atenção.
Talvez não do jeito “previsível” que gostaria, algo como te falarem que você está irresistível, mas acredite nas entrelinhas, pois elas raramente mentem.
E você tem muito a oferecer.
Você sabe muito bem o que fazer quando quer esbanjar charme. Você sabe qual foto postar pra ganhar like, você sabe o que dizer para ser agradável e sabe muito bem como elogiar. E mesmo que se ache a pessoa mais estranha do mundo e alegue não saber fazer essas coisas, é só você pensar em no que pode evitar, ou seja, se acha que não sabe ser agradável, não diga algo para te tornar desagradável; se acha que não sabe elogiar, não diga algo que passe longe de um elogio.

A gente sempre sabe alguma coisa, nem que essa coisa seja a coisa errada. E por isso a gente pode evitar.

Tem dias que a gente acorda querendo dar um beijo no espelho, né? (é claro que tem!)
Tudo bem que é mais fácil acordar travando uma guerra com o cabelo ou com uma espinha em um lugar inapropriado, mas tirando isso, a gente sabe muito bem quando estamos irresistíveis. E se caso você nunca se sentiu assim antes, talvez essa seja a hora de se rever.
Uma das melhores coisas em estar vivo é saber que todo dia podemos mudar, seja pelas lições que aprendemos ou pelas coisas que nos inspiram, tipo os dias melhores que queremos viver.
Tem roupas que lhe caem muito bem, já outras nem tanto.
Tem coisas que você diz que fazem as pessoas rirem, já outras nem tanto.
Tem ideias que você divulga que são bem boas, já outras nem tanto.
Entende o exercício?
Não estamos falando de perfeição ou em se tornar uma pessoa x ou y, estamos falando sobre pegar o que temos de melhor e deixar o mundo inteiro ver.
Tipo, tem gente que consegue ser sexy no jeito de caminhar, outras no jeito de falar, outras no jeito de olhar. Cada pessoa tem um ponto forte a exaltar, o negócio é descobrir o seu e sair por aí seduzindo o mundo. Isso, o mundo, por quê não?

Melhor do que viver cada segundo dessa vida é viver cada segundo dessa vida dando o nosso melhor.
Então assim, as cantadas no metrô podem até não te render namoros, casamentos ou sequer beijos, mas podem te render uma troca de olhares daqueles bem provocativos que te farão rir feito besta, que te farão contar para os amigos pelo WhatsApp mas que durarão até a próxima estação. Todo dia é uma nova oportunidade pra gente se sentir a vontade e lutar pra ser feliz de verdade.

Outro ponto é parar de se colocar como vítima.
Se percebeu que tem alguém te olhando não necessariamente significa que há pasta de dente no seu rosto ou que o seu zíper está aberto, às vezes ela só está te olhando pra te admirar, e por mais que isso possa ser coisa da nossa cabeça, é sempre melhor acreditar nas possibilidades boas da vida, né?
Sabendo disso, bom mesmo é sorrir, falar, caminhar e fazer qualquer coisa como se estivesse com uma plateia te olhando. Sabe o seu momento de se tornar uma estrela? Você tem que fazer com os dias sejam recheados de momentos como esse.

Entenda, não estamos falando de sedução gratuita daquelas que só rendem tropeços e palavras cheias de saliva no rosto da pessoa (eca!), estamos falando sobre o jeito que você mexe no cabelo, no caso das mulheres, e no jeito que você olha dentro dos olhos, caso dos homens. Mas claro, servindo as mesmas ideias para ambos os sexos.

Poucos lembram, mas somos sim um poço de charme. Ah, se somos!
Nosso olhar tem potencial pra tirar a roupa de uma pessoa – com o consentimento dela, claro. O jeito que a gente abraça pode excitar mais que muito sexo. Até mesmo o jeito que expomos nossas ideias é uma grande arma não de sedução, mas de valorização do que de melhor nós temos: nós mesmos.

Nós somos tudo que de melhor nós temos.

Sei bem que tem dias que nem reza braba consegue levantar a auto-estima e que tudo o que a gente mais quer é voltar pra casa e se enfiar embaixo das cobertas. Dentro disso entramos naquela sabida questão das formas de ver as velhas coisas. E se ao invés de lutar contra os dias em que não acorda bem, você não tenta procurar uma maneira de fazer com que seja um dia pra você se orgulhar por algo novo? Se somos o que de melhor temos, é possível valorizar alguma coisa nova nossa todo dia. Nos dias em que nenhuma roupa te fizer se sentir bem, use o seu melhor perfume. No dia em que todos os perfumes te irritarem, use a sua melhor roupa. No dia em que nem as roupas ou os perfumes conseguirem levantar seu alto astral, ouça suas músicas favoritas e foque o seu dia em ser uma belíssima companhia no seu trabalho ou nos estudos. Nós sabemos muito bem como ser melhores do que já somos. E poucas coisas são mais prazerosas do que proporcionar prazer à alguém.

Essa conversinha furada de “Aff, hoje nem eu estou me aguentando” não passa de uma defesa infantil de gente que quer mimo. Veja, não há animal neste mundo que não goste de um mimo, mas este mimo há de ser conquistado e não mendigado. Então, nos dias piores, trate de encontrar maneiras de transformá-los em dias nem tão ruins assim. “nem tão ruins assim” já é muito melhor que “os piores dias”, né?

Então funciona assim: você que está lendo isso até agora, já pensou no que fazer agora para se tornar uma pessoa mais sexy? Já pensou que você é uma pessoa sexy? Vamos esclarecer que se os likes nas suas selfies forem tudo que precisa pra te fazer melhor, você precisa se internar. Esqueça o que dizem, curtem, comentam de você e foque na sua vida real. Essa sua vida cheia de contas pra pagar e de dias com espinhas. Eu quero provocar você que está lendo este texto: depois de refletirmos aqui brevemente sobre algumas coisas que podemos explorar em nós mesmo, o que você pode fazer AGORA? “Ain, mas estou em casa, não há nada que eu possa fazer!” Ah não? E aquelas meia dúzia de palavras irresistíveis que você sabe bem como usar, por que não manda agora pra alguém? Procurar conversa não dói em nada.
E se mesmo assim não puder fazer nada agora, o que você pode fazer NA PRÓXIMA oportunidade? Já sabe o que vai vestir? Já sabe sobre quais assuntos vai conseguir conversar?

Este é o momento de você se sentir uma pessoa deliciosa. É o momento de olhar pra si, de olhar pra tudo de delicioso que há em você e repetir pra si mesmo: “Eu sou uma pessoa deliciosa!”
“Ain, mas eu sou uma pessoa normal ué!” Legal, em meio a outras bilhões de pessoas normais do mundo, da sua rua, do seu trabalho, da sua faculdade, você quer mesmo ser só mais uma delas?

Você sabe muito o que fazer e como fazer para deixar saudade por onde quer que passe.
Numa dessas você pode deixar mais que uma saudade, quem sabe uma vontade. daquelas bem das gostosas por aí? Uma vida sem excitação não é uma vida com emoção e eu duvido muito que você não vai gostar de se rever.

COMPRE: Compre agora o seu livro “Um Travesseiro Para Dois”http://migre.me/hdGiY
CURTA:
 http://www.facebook.com/umtravesseiroparadois

Contatos:
Instagram: @marciorodriguees
Twitter: @marcioaereo
E-mail: mrs.contato@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s