Então me resta partir dessa pra uma melhor

Acho que já deu pra mim
Assim mesmo, na prática e sem palavra bonita.
Passei grande parte da minha vida esperando as coisas acontecerem do jeito que eu gostaria, e sabe o que ganhei no fim? Isso mesmo: nada.

Eu não aguento mais lidar com tudo isso.
Tem uma angústia aqui dentro de mim que faz eu me perguntar todos os dias porque estou fazendo isso comigo.
Gostaria de poder dormir hoje e acordar com tudo isso resolvido, mas eu sei que amanhã vou acordar com os mesmos problemas e preocupações. Fugir é solidão.

E ninguém tem culpa.
Eu mesmo que criei os fantasmas que me assustam todos os dias e me acompanham na volta pra casa quando me vejo no vidro do ônibus e do metrô. Me vejo no vermelho do semáforo e me vejo no choro da criança. Eu me vejo como uma derrota.

Eu tenho medo de um milhão de coisas.
Tenho medo até do que não pode mais me machucar, tenho medo do passado ao imaginar que talvez possa comprometer meu futuro. Tenho medo das pessoas que prejudiquei. Nós prejudicamos as pessoas, mesmo que sem querer. Eu já falei tanta bosta pra tanta gente. Eu já quis ter tanta certeza das coisas. Já perdi tanto tempo de tesão por querer ter razão. Eu já fiz tão mal.

Lembrar me faz sofrer.
Mas eu preciso lembrar pela última vez. Eu preciso cutucar toda essa minha ferida que eu não deixo cicatrizar.
Lembro de cada uma das vezes em que preferir dificultar ao invés de facilitar. Sei lá por quê, ou melhor, eu sei bem sim, negar é me enganar. Eu queria ter o gosto do “mais difícil”, eu me cegava na ideia de que se fosse fácil demais não seria tão bom, como se tudo fosse uma competição onde eu sempre sairia em vantagem. Milhões de vezes que eu disse estar sem sinal no celular na verdade eu não queria atender. Milhões de vezes que eu falei “a gente combina qualquer dia” eu queria dizer “qual a chance de eu sair com você?”. Milhões de vezes que eu falei “ah eu também” quando me diziam sentir saudade de mim eu queria dizer “eu não penso em você nenhum segundo do meu dia, desculpe”.

Eu já fiz tanta merda.
Cada uma dessas minhas lembranças me corta o peito feito navalha, mas eu preciso ver o sangue escorrer já que eu não aguento mais viver tudo isso.
Eu já falei “também te amo” só pra evitar o constrangimento de ouvir e não retribuir. Não amava coisa nenhuma, mas me fazia mal ver a pessoa me falando com tanto sentimento e eu com sequer vontade de tocar nesse assunto.

Será que eu sou a pior pessoa desse mundo?
Amplo demais pra garantir, mas eu tenho certeza que fui por um segundo a pior pessoa do mundo pra alguém.

Quem me vê rindo de quase qualquer coisa não sabe o quanto eu já prejudiquei alguém. Eu menti. Eu disse que estava num lugar x pra evitar briga, mas na verdade eu estava num lugar y mas mentia pra não magoar. Eu já disse “isso é coisa da sua cabeça, não tem nada a ver” mas eu não fazia nada para evitar aberturas. É tanta coisa, mas tanta.

Eu já postei coisas que eu nunca vivi.
Sei lá, nessas de querer me mostrar uma pessoa interessante eu já postei músicas que nunca ouvi, já falei de filmes que nunca assisti, já comentei de livros que nem sequer sei o nome direito. Quanta coisa. Eu me perdi tentando encontrar alguém.

É por isso que agora eu quero dar um fim nisso.
Por isso que não me vem à cabeça outra saída a não ser evitar com que o mundo ainda tenha que lidar comigo. Por isso que eu cheguei a conclusão de que eu estava prejudicando mais do que ajudando qualquer outra pessoa nesse mundo.
Eu não aguento mais. Ninguém me aguenta mais.

Então me resta partir dessa pra uma melhor.
Eu não posso mais continuar.
Chegou a hora de mudar tudo que eu já fui.
Não quero ser responsável em piorar o jeito difícil que a vida já é. Não quero mais ir dormir com vontade de falar alguma coisa e não conseguir. Não quero mais deixar de falar algo que eu sinto com medo de assustar ou com medo de chatear, desde que seja verdade tudo que eu sentir.

Eu quero ser uma nova pessoa.

Quero convites pra sair, quero motivação pra me vestir melhor, quero saber se alguém gostaria de ouvir como eu vejo o mundo, quero saber como um alguém qualquer vê o mundo. Eu quero apagar tudo que já fui pra ser alguém melhor pra mim e pra todos.

Eu não quero mais me ver nessa merda de joguinho que só atrapalha a vida. Não quero mais dificultar com que a vida aconteça; quero que ela aconteça. Não quero inventar desculpas pra retornar a ligação, não quero deixar a mensagem visualizada, não quero mais comentar pra combinar qualquer dia, quero ser quem tem a ideia e determina a data. Preciso partir dessa pra uma melhor.

Não quero mais ser cúmplice do que eu não sou.
Eu sou imperfeito, uma pessoa recheada de defeitos, mas eu não preciso me preocupar se vão ou não gostar do meu jeito, eu preciso ser real. Eu não quero mais mentir, PRA QUÊ MENTIR? Eu não quero mais fazer com alguém aquilo que eu odiaria que fizessem comigo. Eu estava cego. O mundo girava ao meu redor. Eu quero voltar a ser sincero. Não sou obrigado a aceitar, mas sou obrigado a respeitar. Não quero mais acabar com o dia de ninguém, não quero arruinar planos nem partir outros corações. Não, pelo menos, conscientemente. Se for pra eu errar, que seja um erro natural e não um erro fantasiado de mentira, de joguinho, de conversa fiada, de desculpa esfarrapada ou qualquer coisa que não seja eu mesmo: real e imperfeito.

Eu não aguento mais. Eu quero partir dessa pra uma melhor.
E uma melhor vai ser a próxima vez que eu tiver a chance de mostrar que sou real. Estou pronto pra tentar. Quero me refazer.

Eu quero me orgulhar, quero ser motivo de orgulho, quero uma vida real acompanhado de outra pessoa real. Vou recomeçar.
Já errei muito nessa vida mas eu gostaria de ter a chance de consertar.
Ou de pelo menos tentar uma vida melhor.
Quero partir dessa fase para uma melhor.

alone,balloons,man,sad-2a1f44004247a7ee78f2305335022d9f_h
Márcio Rodrigues. – http://www.bit.ly/TUKoPd
foto: tumblr.
instagram: @marciorodriguees
contato: mrs.contato@gmail.com
+ textos exclusivos na página do blog no Facebook:http://www.facebook.com/umtravesseiroparadois

Anúncios

2 respostas em “Então me resta partir dessa pra uma melhor

  1. Incrível como você descreveu exatamente a situação que eu estou vivendo, eu jamais poderia expressar de uma maneira melhor.

    Cabeça erguida, amanhã é um novo dia e é a melhor oportunidade que temos para fazer as coisas serem diferentes do que foram até hoje!

    Obrigada, Márcio, texto sensacional!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s