Do começo não dá para enxergar o fim

Vai durar o necessário.
Talvez não tanto quanto eu gostaria.
Talvez não tanto quanto você gostaria.
Eu nem sei quem é você ainda.
Você nem faz ideia de que eu sou.
Vai durar algum tempo, sei lá quanto. Algum tempo.
E que diferença faz saber agora?
O medo de viver o fim atrapalha a gente de viver o começo.
O que você vai fazer se eu acordar amanhã achando graça em outro sorriso?
O que eu vou fazer se você acordar amanhã não querendo mais me responder no chat?
São perguntas que a gente não precisa da resposta agora.
Enquanto eu tiver disposto a continuar tendo você na minha vida, vou te ter.
Eu não quero saber quando a gente vai terminar e como vai ser!
Eu não quero ter que pensar na possibilidade da sua companhia deixar meus dias!
Eu quero um espaço na sua vida pra eu encostar a minha.
Nossa história não envolve nada além um do outro.
E as datas de validade só servem para acelerar o consumo. Eu quero viver devagar.
MAS CARALHO E DAÍ QUE ISSO TUDO PODE TERMINAR NO PRÓXIMO FIM DE SEMANA?
Eu cansei de viver com medo das coisas, das pessoas, do que eu sinto, com medo de mim mesmo! Que absurdo é eu sentir medo do que eu SINTO! Cansei de ter que obedecer jogos e jeitos de lidar, cansei de ter que pensar, eu cansei do jeito que as pessoas querem que eu viva a vida; do jeito que eu mundo quer que eu viva a minha própria vida! Eu quero viver do jeito que eu penso ser certo e nesse meu jeito você está presente. Hoje, amanhã eu não sei. Hoje é a sua boca a próxima que eu quero beijar! É o seu corpo o próximo com quem eu quero deitar. É o seu número de telefone o próximo que eu quero ligar. É a sua companhia a próxima que eu quero pra me acompanhar. É a sua mão a próxima que eu quero dar à minha.
Amanhã isso tudo pode parecer só mais um sonho e a gente pode acordar. Amanhã você pode não querer mais olhar na minha cara simplesmente porque entendeu que eu sou menos do que imaginava na sua vida. Vai ver você me delete das redes sociais, delete meu número do celular, pare de falar comigo, pare de me deixar morar em um só dos seus milhões de pensamentos. Isso tudo pode acontecer e não só com você, comigo também! Eu posso voltar pra minha ex, eu posso sentir tanta saudade do meu passado a ponto de tentar reviver e acabar sozinho. Eu posso me perder numa tentação qualquer, num charme disfarçado de desejo. Pode acontecer um monte de coisas, mas eu não quero pensar em nenhuma delas agora! Eu quero pensar em você. Eu quero pensar que hoje é em você que lembro quando me perguntam se tenho alguém, mesmo não te tendo ainda direito. É o seu nome que eu gosto de incluir em conversas que posso te encaixar. É da sua saudade que eu gosto de me inspirar ao repetir refrões. É do seu perfume que eu quero deixar minhas roupas impregnadas.
EU QUERO QUE SE FODA SE AMANHÃ A GENTE VAI ATRAVESSAR A RUA AO SE ENCONTRAR.
Eu estou muito ocupado pensando numa maneira de conseguir colocar mais um sorriso no seu rosto ainda hoje. Ando muito ocupado te mandando links pra te entreter durante o dia no trabalho. Ando muito ocupado te marcado em fotos engraçadas do instagram, em textos legais dos blogs, em indiretas sobre coisas pra gente fazer no fim de semana nas páginas dee agendas culturais. Ando muito ocupado distribuindo maneiras de te provar que você é especial pra mim, que eu gosto de ter na minha vida, gosto de ouvir a sua voz e tenho tentado gostar até do programas que só você gosta. Eu gosto de quem eu sou quando estamos juntos. Eu só não quero me ver refém do medo. Só não quero ter que calcular meus passos e medir o jeito que eu sou pra tentar ser menos eu ou ser eu na hora certa. Eu não quero controlar a única coisa incontrolável na minha vida: o meu coração.
E eu não vou. Não estou nem aí se isso vai me fazer quebrar a cara, se já dá pra me ver beijando o chão de tão grande a queda, eu não quero pensar no fim se nem comecei a viver o início ainda. Eu só sei que quero você comigo o tempo que a gente se bastar. Eu quero que dure o quanto deve durar.

couples_love_tumblr_kissing_hugging (47)

Márcio Rodrigues. – http://www.bit.ly/TUKoPd
Compre o livro “Um Travesseiro Para Dois”:  http://bit.ly/1wRjIvt
foto: tumblr.
instagram: @marciorodriguees
contato: mrs.contato@gmail.com
+ textos exclusivos na página do blog no Facebook: http://www.facebook.com/umtravesseiroparadois

Anúncios

11 respostas em “Do começo não dá para enxergar o fim

  1. Pior que é sempre assim né? Tudo um jogo, e a gente fica com medo do que ta sentindo ou do que ainda nem sentiu. Certo e errado, pode ou não pode! É tão gostoso quando a gente simplesmente SENTE e pronto. O amanhã a gente descobre, o hoje a gente vive haha’
    Márcio, mais um texto lindo! Amo ler os textos antes de dormir, a gente fica tão leeve’ :D

  2. Pense num instante que você não quer que acabe. O capítulo de um livro, um dia no parque, na praia, um pôr do sol com uma ótima companhia. Sabe aquela sensação do sol batendo no rosto? O coração acelerado, fitando o outro, sentindo o outro, arrepiado… então, isso é felicidade. O momento que você não quer que acabe! O nosso problema é querer eternizar tudo, rotular tudo, colocar prazo de validade em tudo. A vida é cheia de possibilidades, os sentimentos são mutáveis e, se é certo que as mudanças virão, por que não parar de perder tempo tentando esquematizar o futuro e levar a vida um pouco mais leve? Sendo gratos pelo o que temos hoje e vivendo o hoje, até o último minuto?
    Se as coisas passarem, quero me lembrar de como elas eram, que gosto tinham, qual temperatura, cheiro… não quero um relance da vida que eu poderia ter vivido.

    Parabéns pelo blog!

  3. Não dá para ler e não me identificar. Dá um medo filho da mãe que não valha a pena, que seja em vão, que não resulte. É quase como sorrires com medo do momento que vás chorar.

  4. Adeus
    É incrível como uma palavra tão pequena pode ter um poder tão grande sob nós, mas a verdade é que nunca estamos prontos para dizer adeus, até que um dia a vida bate tão forte que a o adeus é necessário. O adeus assim, vira uma lembrança, uma saudade ou até liberdade. Não importa, mas o adeus é na verdade uma forma de dizer que algo existiu, que algo esteve vivo dentro de nós, nos fez presente.
    O tempo passa e por mais adeus que você acumule na sua experiência de vida, você nunca vai estar preparado suficiente para o próximo adeus, então, como das outras vezes, ele vai doer e vai continuar sendo necessário. Você até pode estar mais forte para enfrentar as dores, magoas e decepções, mas você sentirá cada adeus em seu coração, mesmo quando você perceber que ele está próximo, mesmo quando você souber que será inevitável, mesmo quando o adeus iniciar dentro de você, ele vai doer.

    O adeus é uma marca, um final de ciclo, um passado, uma dor que o tempo se encarrega de transformar em cicatriz. De cada adeus levamos conosco um pedaço de vida.
    Emili Passos Araújo

      • E a verdade é que estou com medo, estou com medo do que não sei, do que pode acontecer com a minha vida. Estou com medo do futuro! Medo de trocar de emprego, medo de ter que recomeçar de novo, medo de não encontrar alguém que esteja ao meu lado para me dar a mão e me entender, medo de estar sozinha. O fato é que esses medos estão sempre presentes em minha vida, mas tem dias que eles gritam para serem ouvidos, e hoje é um desses dias. Aceitar que as coisas não tem um rumo certo ainda é um desafio muito grande pra mim, mas ao mesmo tempo tenho vontade de ser surpreendida pela vida.
        Estou bem confusa hoje, mas precisava colocar para fora, tentar esclarecer em palavras escritas aquilo que em pensamentos ainda é muito confuso.

        Na verdade, nesse tempo todo e depois de tanto escrever eu percebi que falar de sentimentos não é uma coisa fácil, eles são sentidos de uma forma e expressados de outra forma, por que na verdade é praticamente impossível dizer exatamente o que se sente ao sentir, e alguns sentimentos não cabem em palavras ou pelo menos não nas palavras que conheço, às vezes elas limitam ou até empobrecem alguns sentimentos, tanto os ruins quanto os bons.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s